Quem Somos

Identidade

torredevigia (1)A Torre de Vigia é um lugar! O que a torna importante é o que se faz neste lugar. Entre diversos tipos de edificações que havia no passado – templos, casas, pontes etc – a torre de vigia era o lugar de proteção, era o local de onde se podia observar possíveis ameaças. Por essa razão, não era qualquer pessoa que poderia ocupar esse lugar. Precisava ser alguém confiável! Não só isso, precisava ser ágil, esperto, ter boa visão e saber tocar a trombeta. De outra maneira, como o povo poderia ser alertado? Esse homem seria os olhos do povo.

A Torre de Vigia é, portanto, o lugar da visão. É onde se vê! Neste lugar se vê o que está oculto aos olhos de muitos. Por ser o lugar que se vê, é o lugar de preservação e socorro de um povo. Provérbios 29.18 diz: “Não havendo profecia, o povo se corrompe”. Este é o lugar onde se vence a corrupção, o engano, a ignorância. É o lugar de onde se libera luz e destino a um povo!

Assim como Samuel, temos tido o privilégio de passar por este lugar (1 Samuel 7.16). Mispa significa Torre de Vigia. Foi neste lugar que Samuel viu os trovões de Deus aterrar os Seus inimigos (1 Samuel 7.10). Cremos que não será diferente hoje!

Somos, portanto, um lugar! Um lugar onde o Senhor se manifesta por meio de sonhos, visões e revelações! Queremos servi-los com o alerta e a visão de Deus.

Quem Não Somos

  • Não somos parte da instituição religiosa Testemunhas de Jeová.
  • Não somos uma igreja local, mas sim uma equipe de trabalho com foco na Batalha Espiritual e na preparação do Corpo de Cristo.

 

Equipe

Monte

Renato Pastene

foto-marquinhos

Marcos Oliveira

João e Clair Dantas

Nossos Fundamentos

Nossos dois fundamentos para o serviço são Aliança de Yahweh com Israel e a Aliança de Yeshua com a Igreja ! O chamado da Torre de Vigia está conectado com estas duas realidade: o relacionamento do Pai com Israel e o relacionamento do Filho com a Igreja.

Estas duas realidades, são como as duas asas de uma águia para nós! Assim como uma águia precisa de duas asas para voar e alcançar seu propósito, precisamos olhar para Israel e ama-lo, assim como olhar para a Igreja e ama-la! Esses dois fogos de amor queimam no coração de Deus, amor por Israel e amor pela Igreja!

Queremos ter nosso coração partido por este amor, e queremos contribuir com Seus planos, olhando para Sião (Isaías 62.1) e olhando para a Noiva amada do Cordeiro (Apocalipse 19)!

Aliança de Yahweh com Israel

por Renato Pastene

20150929_205619 (1)Yahweh – o Eterno dos Exércitos – estabeleceu uma aliança perpétua com Israel. Ele chamou Jerusalém de Sua “esposa” (Isaías 54.6) e disse sobre ela: “ainda que se removam montanhas e estremeçam colinas, nem Minha benevolência de ti se apartará, nem Minha aliança de paz terá fim – diz o Eterno, que de ti Se compadece” (Isaías 54.10).

Em Isaías 62 o Eterno diz: “Por amor a Tsión não me calarei, e por amor a Jerusalém não descansarei, até que brote sua justiça como um resplendor e sua salvação como uma tocha acessa” (v.1). Diz ainda: “Pus sobre tuas muralhas sentinelas, que nem de dia nem de noite se calarão, para fazer incansavelmente lembrar ao Eterno o mérito dos patriarcas em favor de Israel” (v.6).20151003_182726

O Senhor está afirmando que Ele mesmo estabeleceu sentinelas para que O lembrem do“mérito” dos patriarcas, para que a nação de Israel seja favorecida. A aliança que Deus fez com Abraão, Isaque e Jacó é perpetua e não será quebrada. Em Gênesis 15.4-6 está escrito:“E a palavra do Eterno veio a ele, dizendo: “Não será este o que vai te herdar, mas o que sair das tuas entranhas – este te herdará!” E o fez sair para fora e disse: “Olha para os céus e conta as estrelas, se podes contá-las.” E disse-lhe: “Assim será tua descendência!” E Abraão acreditou no Eterno, e (Deus) lhe considerou isso como um mérito”.

O Senhor deseja que façamos menção dos patriarcas e de Sua aliança com eles em favor de Israel. Yahweh está restaurando o amor pelos pais (patriarcas). Juntamente com o amor aos pais, virá o amor pelos filhos (Israel). Valorizar os filhos é uma maneira de honrrar os pais. Lembrando-nos de Abraão, Isaque e Jacó,  precisamos amar cada israelita.

O apóstolo Paulo diz sobre os israelitas: “Eles são o povo escolhido por Deus; ele os tornou seus filhos e repartiu a sua glória com eles […] Eles são descendentes dos patriarcas; e, como ser humano, Cristo pertence à raça deles.” (Romanos 9.4-5). Paulo afirma ainda: “o bom desejo do meu coração e a oração a Deus por Israel é para sua salvação” (Romanos 10.1).

Precisamos ter a compreensão que Paulo tinha acerca da aliança de Yahweh com Israel. O Senhor está nos chamando a orarmos pela nação de Israel e pela salvação dos judeus. Está profetizado que haverão muitos judeus convertidos ao verdadeiro Messias, Yeshua, antes do grande e terrível Dia do Senhor. Desejamos que isto ocorra e que venha já o Reino dos Céus.

Aliança de Yeshua com a Igreja

por Renato Pastene

20160817_172147Yeshua – o Filho do Deus Vivo – está aliançado com a Igreja. Em Sua paixão, Ele entrou em um compromisso perpétuo com a Igreja. Primeiramente, Ele é o Noivo da Igreja (Sua Noiva). Em um segundo momento, após as Bodas do Cordeiro (Apocalipse 19), Ele estará casado com ela pela eternidade.

A paixão que Yeshua tem por Sua Noiva é sem limites. Ele não tem outra “mulher” em vista, Seu amor e compromisso é para com Sua Noiva, a Igreja. Ele a está preparando, embelezando e ungindo para que está se torne a noiva “sem mancha, ruga ou qualquer coisa semelhante, mas santa e sem defeito” (Efésios 5.27).

Com o objetivo de preparar Sua Noiva para o casamento, Yeshua conta com Seus amigos. Estes são “os amigos do Noivo”, incumbidos de ir a frente do Noivo, para auxiliar a Noiva em sua preparação. João Batista, que foi enviado para preparar o caminho do Senhor, disse:“O noivo é o possuidor da noiva; porém o amigo do noivo, que o atende e ouve, enche-se de alegria ao som da voz do noivo” (João 3.29).20160817_172323

A semelhança de João Batista, outros amigos do Noivo serão levantados. Yeshua está voltando! O dia do Seu casamento está próximo. Precisamos corresponder com Ele, ensinando e preparando a Igreja para o grande momento da festá, quando ouviremos:“Regozijemo-nos e nos alegremos! Demos-lhe glória! Porque chegou a hora do casamento do Cordeiro, e a sua noiva está preparada” (Apocalipse 19.7).

Que se levantem os amigos do Noivo!

 

Valores

  • Devoção por Jesus;
  • Amor pelas pessoas;
  • Verdade e justiça;
  • Graça e misericórdia;
  • Fidelidade.

 

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s